Como trabalhar no exterior legalmente 2017

Veja como conseguir uma vaga de emprego legalmente no exterior e dicas sobre alguns países.



Está interessado em novas experiências profissionais e pessoais? Veja abaixo algumas das opções para trabalhar no exterior legalmente em 2017. 

Trabalhar no exterior é um sonho de muitos brasileiros, interessados, dentre outras coisas, em obter novas experiências, fazer novos contatos e amizades, além de juntar um bom dinheiro, tendo a oportunidade de fixar residência em outro país.

Como trabalhar no exterior legalmente 2017

Por causa desses sonhos, muitas pessoas arriscam suas vidas atrás de oportunidades ilegais de trabalho, sujeitos a condições muito inferiores e sem segurança nenhuma. Mas existem diversas formas de encontrar trabalho, com muita qualificação e formação e até mesmo sem, de maneira legalizada em diversos países, carentes de profissionais em certas áreas, ou mesmo abertos para troca de experiências. 



 

trabalhar no exterior legalmente

O mais importante é buscar informações para não se arrepender (Foto: DPB Intercâmbio)

Trabalho no exterior para brasileiros

As vagas variam de acordo com cada país ou região, podendo ir de cargos apenas com capacitação e experiência, até cargos de qualificação superior. Para o ano de 2017 estima-se que as melhores vagas de trabalho no exterior serão nos seguintes países:

  • Canadá: país grande, com muita diversidade cultural e de turismo. Criou em 2015 uma plataforma online para que o profissional cadastre seu currículo e procure vagas. Encontrando a vaga, a plataforma facilita o processo de emissão de visto;
  • Austrália: um país que incentiva a imigração de profissionais qualificados para trabalhos temporários e permanentes. Através de uma lista, podem-se encontrar as profissões desejadas pelo país, além de atender alguns requisitos: ter menos de 50 anos, ter a profissão reconhecida na Austrália e ter nível avançado de inglês. Atendendo todos, faz-se o cadastro no site do governo, que mantém disponível um ranking de profissionais;
  • Portugal: permite o trabalho legalizado em diversas áreas, porém a candidatura é feita de maneira independente ao governo. Depois de encontrar um emprego pela internet ou de outra forma, pode-se pedir o visto de trabalho. Como o português é a língua materna, essa barreira é vencida, mas pessoas fluentes em mais idiomas têm chances maiores de contratação.
  • Nova Zelândia: também oferece uma plataforma online de cadastramento e busca de oportunidades. O país procura trabalhadores com as seguintes características: ter menos de 55 anos, nível de inglês intermediário, graduação completa e experiência profissional. Apesar de não permitir o trabalho enquanto turista existem opções de visto para que analise as oportunidades diretamente no país;
  • Itália: oferece muitas vagas na indústria, que procura mão de obra qualificada. As solicitações podem ser feitas diretamente com as empresas, encaminhando o currículo e carta de apresentação, geralmente em italiano. Confirmando a vaga, basta solicitar o visto;
  • Noruega: um dos melhores países para se viver, procura profissionais de áreas específicas, como: saúde, automação, mecânica, mecatrônica e educação. O inglês é indispensável, além da formação na área;
  • Irlanda: um dos locais mais procurados por intercambistas, pois oferece a oportunidade de trabalho, estudo e turismo de maneira legalizada e muito econômica. A maioria das vagas são para profissionais sem formação, como em restaurantes, limpeza, cuidados com crianças, entre outras. 
emprego no exterior legalmente

(Foto: Janelas Abertas)

Quero trabalhar fora do Brasil, como faço?

O ideal é procurar uma empresa especializada em intercâmbios e vagas de trabalho no exterior, para não cair em golpes, que infelizmente são muitos. A agência vai te informar o passo a passo necessário, além de auxiliar na obtenção de vistos e toda a documentação necessária.

Outra opção é ir conhecer o país a turismo, e procurar por vagas, mas sem realizar nenhum tipo de trabalho remunerado sem ter o visto em mãos, já que pode causar a deportação e proibição de voltar ao país em questão.

E lembre-se de se organizar financeiramente. Por mais que vá trabalhar, existem os gastos com deslocamento, hospedagem inicial, além de todos os custos com documentação e vistos.



Como trabalhar no exterior legalmente 2017
Avalie!

One thought on “Como trabalhar no exterior legalmente 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *