Visto de trabalho EUA: Tipos

O visto de trabalho EUA é objeto de desejo de muitos profissionais pelo mundo, e para o brasileiro não é diferente.

No entanto, além do visto de trabalho, existem outras modalidades específicas para cada atividade que se deseja realizar nos Estados Unidos da América, para sua obtenção alguns requisitos precisam ser preenchidos.

Basicamente existem os vistos emitidos para os não – imigrantes, por exemplo, visto de visitante, negócios, estudos acadêmicos e por sua vez, há os vistos para os imigrantes. Antes de embarcar para o EUA é imprescindível conferir se todos os documentos estão adequados aos seus propósitos.

Neste cenário, neste artigo, apresentam-se as principais categorias de visto para diversas atividades, entre trabalho a férias, nos Estados Unidos da América.

Tipos de visto Americano

Leia Também:

visto eua
Foto: Guia Viajar Melhor

Visto de visitante (B-1 / B-2)

O visto do tipo B-1 é liberado para a categoria de negócios, isto é, participação em feiras, congressos e conferências sejam elas de ordem científica, educacionais, profissionais ou de negócios, dentre outras atividades semelhantes.

O visto do tipo B-2 é adequado para atividades turísticas. Passar período de férias, lazer e atividades associadas. Além disso, essa categoria de visto também serve para realização de tratamento médico.

Visto de Tratado e Investidor (E-1 / E-2)

O visto do tipo E-1 é indicado para comerciantes enquanto o visto do tipo E – 2 é recomendado para investidores. Lembrando que estas categorias encontram-se disponíveis apenas para países que mantém relações comerciais com os EUA.

Para solicitar tais vistos, o imigrante tem que desenvolver as seguintes atividades: desenvolver e dirigir as operações de uma empresa na qual investiu uma quantidade substancial de dinheiro ou ser empregado para exercer funções de caráter executivo ou de supervisão.

Ou ainda possuir qualificações especiais e que sejam de fundamental importância para gerir um negócio com eficiência.

No Brasil, esses vistos podem ser solicitados nos consulados situados nas cidades do Rio de Janeiro e em São Paulo.

Visto de estudante (F-1 e M-1)

O visto do tipo F-1 é a categoria indicada para estudantes de nível acadêmico ou para estudantes de escolas de idiomas.

Por sua vez, o visto do tipo M-1, é adequado para estudantes aceitos em programas de estudos vocacionais ou ainda não acadêmico nos EUA e que possua documento I-20 válido emitido pela referida instituição.

Ocupação especializada – Profissional (H-1B)

O visto do tipo H são fornecidos para aqueles que querem trabalhar temporariamente e que possuem petições válidas e autorizadas de trabalho.

Nesta categoria existem variações. O H – 1B é recomendado para trabalhadores temporários que possuem ocupações especializadas e qualificadas, sendo que geralmente precisam possuir formação acadêmica em um programa de quatro anos ou para modelos profissionais com habilidades diferenciadas (top models).

Visto para Intercâmbio (J-1 e Q-1)

O visto do tipo J-1 é indicado para aqueles que pretendem participar de um programa de intercâmbio, incluindo as modalidades: “high school” equivalente ao segundo grau do Brasil, desenvolver pesquisa científica.

Além desses, para estágio e programas de trabalhos para estudantes universitários no decorrer do período de férias de suas instituições de ensino e que possuem o documento DS-2019 emitido pela instituição nos EUA.

O visto do tipo Q-1 deve ser solicitado por aquelas pessoas que querem realizar intercâmbio cultural com finalidade de formação prática, emprego, partilhar histórias, cultura e as tradições oriundas do país do solicitante.

Visto para transferência de Funcionários de Multinacionais

O visto do tipo L é adequado para aquelas pessoas que são funcionários de multinacionais e que serão transferidos para exercer sua função de forma temporária na mesma empresa nos EUA e que apresentem petições válidas para tal finalidade.

passaporte-eua
Foto: Gazeta Online

Cabe lembrar que para solicitar este visto o solicitante tem que estar na empresa no mínimo há um ano e possuir conhecimento altamente especializado, como gerente, executivo, por exemplo.

Para mais informações sobre o visto de trabalho EUA e outros citados nesta matéria podem ser conferidos pelo link br.usembassy.gov.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *